Os dinamarqueses que desafiaram Hitler

Fotógrada Glickman Lauder diz que a Dinamarca foi o único país da Europa Ocidental ocupado pela Alemanha nazista capaz de salvar sua população judaica. Em um livro recém-lançado, ela mostra imagens feitas nos últimos 30 anos desses sobreviventes e daqueles que os ajudaram a escapar para a Suécia no auge da guerra. Rede secreta formada pela população não judaica do país transportou quase 8 mil pessoas em pequenos barcos que cruzaram o estreito de Øresund até a Suécia
Judy Glickman Lauder/BBC
Em 29 de setembro de 1943, um rabino dinamarquês interrompeu o serviço matinal na sinagoga Krystalgade, em Copenhague, e disse:
“Não Leia tudo…

Fechar Menu

Fique por dentro!

Receba nossas novidades direto no seu email!
QUERO RECEBER!
Fechar
Fique por dentro!