Roberto Carlos tem obra abordada pelo saxofonista Zé Canuto em disco que soa como se Kenny G tocasse hits do ‘Rei’

Já imaginou um disco em que o saxofonista Kenny G soprasse as melodias românticas do cancioneiro de Roberto Carlos e Erasmo Carlos no estilo melífluo que tornou o músico norte-americano um popstar nas décadas de 1980 e 1990?
Esse disco nunca foi gravado. Mas certamente soaria similar a Dom, álbum que o saxofonista fluminense Zé Canuto está lançando em edição independente com abordagens instrumentais de dez músicas da obra fundamental da dupla de compositores.
Adoçado com os teclados e as cordas sintetizadas por Tutuca Borba em regravações de músicas como Eu preciso de você (1981) e Amada amante (1981), o Leia tudo…

Fechar Menu

Fique por dentro!

Receba nossas novidades direto no seu email!
QUERO RECEBER!
Fechar
Fique por dentro!