Turner Prize 2018: artista vence com filme sobre descoberta da sexualidade gravado em iPhone

Britânica Charlotte Prodger filmou durante um ano para mostrar a experiência de se assumir homossexual. Cena do curta “Bridgit”, de Charlotte Prodger
Divulgação
A artista britânica Charlotte Prodger ganhou nesta terça (4) o Turner Prize 2018 por dois filmes autobiográficos, um deles gravado com iPhone. O prêmio foi de 25 mil libras (R$ 122,5 mil).
“Bridgit” foi filmado com smartphone durante um ano e aborda, em 33 minutos, a experiência de se assumir homossexual em uma cidade rural da Escócia.
O curta tem imagens de paisagens do interior do país e amigos da artista lendo trechos de seu diário.
O outro filme vencedor é Leia tudo…

Fechar Menu

Fique por dentro!

Receba nossas novidades direto no seu email!
QUERO RECEBER!
Fechar
Fique por dentro!